fechar menu 

Os 20 Locais mais “Instagramáveis” de Lisboa

 
 

Perdemo-nos mais uma vez por Lisboa e partilhamos no nosso Instagram algumas fotos (sigam o nosso Instagram aqui). Aqui reunimos a nossa seleção dos lugares que ninguém pode perder numa visita a Lisboa.

1

SÉ CATEDRAL DE LISBOA

A Sé de Lisboa parece-nos um excelente ponto de partida para conhecer esta encantadora cidade. Foi por aqui que começámos num dia ainda a nascer. Um dos lugares mais simbólicos da reconquista deste território aos Mouros e edificada há mais de 800 anos, é um dos ex-libris da cidade que não pode ficar esquecida. Contemporânea da Catedral de Notre-Dame (Paris), é impossível não lhes encontrar semelhanças.

 
 

2

BAIRROS TÍPICOS

Conhecer Lisboa é também perdermo-nos pelos típicos bairros do coração da cidade. Perdemo-nos enamorados por Alfama e pelo Bairro Alto neste soalheiro dia de sol de Inverno e fomos soberbamente surpreendidos pela beleza que cada recanto nos oferece.

 
 

3

ALFAMA

É impossível falar de Portugal sem falar de fado. Alfama foi o bairro onde tantas vezes cantou uma das maiores fadistas portuguesas de sempre, Amália Rodrigues. A homenagem é-lhe prestada em cada pormenor. Nos restaurantes e das janelas das casas é o fado que se ouve e nas ruas é assim que ela é relembrada. Ora se o fado conta a história de vida deste povo, aqui sentimo-nos a entrar na intimidade das gentes portuguesas.

 
 

4

MIRADOURO DE SANTA LUZIA

Decidimos rumar ao Castelo de São Jorge e nesta caminhada, inesperadamente surgiu o Miradouro de Santa Luzia. Sabem aquelas vistas apaixonantes? Esta é uma delas. O rio Tejo ao fundo, a linda Praça do Comércio, (…), daqui temos uma nuance de que esta Lisboa menina e moça tem realmente muito para nos oferecer.

 
 

5

CASTELO DE SÃO JORGE

Se achámos a vista anterior muito bonita, a do Castelo de São Jorge não fica nada a perder. Vale realmente a pena vir até aqui. E nenhum português paga entrada ao domingo de manhã para conhecer este monumento avassalador. Construído pelos Muçulmanos no séc. XI e feito espaço cortesão aquando da conquista de Lisboa por D. Afonso Henriques, tem uns jardins maravilhosos onde apetece parar e namorar e aqui sente-se o peso da história. Comentámos inclusive que se aquelas muralhas falassem muito nós aprenderíamos.

 
 

6

PARQUE DAS NAÇÕES

Deixámos os bairros típicos da cidade que confessamos, adorámos, e fomos almoçar a uma zona mais moderna da cidade. O parque das Nações. Apelidado muitas vezes como a “Lisboa do séc. XXI” tem um ambiente diferente do que se sente no coração de Lisboa. À beira do rio Tejo, disfrutámos de uma refeição muito agradável.

 
 

7

GARE DO ORIENTE

A Gare do Oriente é das estações rodoviárias e ferroviárias mais bonitas de Portugal. Inserida no Parque das Nações, achamos a arquitectura deste lugar extraordinariamente bonita. Vale a pena visitar de dia e de noite então podemos dizer que é um SONHO.

 
 

8

PONTE VASCO DA GAMA (Parque do Tejo)

A Ponte Vasco da Gama tem um fator que desperta a curiosidade de muitos turistas. Não é só mais uma arquitetura bonita na capital portuguesa, esta é a ponte mais longa da Europa e das mais extensas do mundo.

 
 

9

PONTE 25 DE ABRIL

Primeiramente conhecida como Ponte Salazar, após a Revolução dos Cravos, passou a ser chamada de Ponte 25 de Abril. Com inúmeras semelhanças com a Golden Gate, na Califórnia, é senhora de autênticos cartões postais da cidade das sete colinas.

 
 

10

TORRE DE BELÉM

Este monumento classificado como Património Mundial pela UNESCO e eleito como uma das 7 Maravilhas de Portugal, é realmente daqueles pontos obrigatórios de qualquer visita a esta cidade que adoramos. Acreditem que não é só pela proximidade dos pastéis de Belém, aos quais nunca resistimos, mas por todo o simbolismo e beleza que esta Torre tem. Inicialmente pela função de defesa daquela zona do rio Tejo, mas destaca-se principalmente pelo nacionalismo implícito. Toda rodeada por decorações do Brasão de Armas de Portugal remete o país à época em que era uma potência global.

 
 

11

MAAT (Museu de Arte, Arquitetura e Tecnologia)

O MAAT tornou-se um dos lugares mais charmosos desta zona da cidade. Daqui vemos de um lado a Torre de Belém e o Padrão dos Descobrimentos e do outro a Ponte 25 de Abril. O ambiente é espetacular nesta zona da cidade. Crianças, jovens e adultos aproveitam a brisa que o Rio Tejo oferece para passear, namorar, correr, andar de bicicleta. Nós aproveitámos daqui um dos mais bonitos por do sol que já vimos. Vale a pena sentir a cidade deste lugar.

 
 

12

PINK STREET

A Pink Street tem um ambiente jovem e tranquilo. Zona de bares e restaurantes foi reestruturada pelo arquiteto José Adrião para dar um novo conceito e organização àquela zona. Tornou-se super cool e um lugar obrigatório para as melhores fotos de Instagram de qualquer turista que passe por Lisboa.

 
 

13

RUA DE SÃO PAULO

Achamos esta Rua de São Paulo diferente das outras. Não sabemos se pelo seu arco que fazia parte da grande obra das águas Livres, se pelas linhas do elétrico que ainda hoje por lá circula ou porque talvez seja dos locais da cidade que ainda mantem traços de uma arquitetura pombalina. Podemos dizer que vale a pena passarem por aqui.

 
 

14

CAIS DAS COLUNAS

Uma das entradas para a mais charmosa praça da cidade, a Praça do Comércio. Aqui ao som das gaivotas, do rio e dos barcos que se aproximam achamos que vale a pena deixar apenas o tempo passar e aproveitar só mais um bocadinho a calma deste lugar.

 
 

15

PRAÇA DO COMÉRCIO

A Praça do Comércio é uma das maiores praças da europa. Outrora lugar dos Palácios dos Reis de Portugal (durante quase dois séculos), hoje tem uma “dinâmica” e “luz” especiais. Deve ser visitada e aproveitada ao máximo.

 
 

16

ELEVADOR DE SANTA JUSTA

O Elevador de Santa Justa encontra-se no coração da baixa de Lisboa. Uma estrutura em ferro bem trabalhado e que transporta passageiros desde a Baixa de Lisboa até às ruinas da Igreja do Carmo. Mais uma forma de perder o fôlego com a vista que daqui se consegue ter.

 
 

17

CONVENTO DO CARMO

O convento do Carmo e as ruínas da igreja com o mesmo nome, valem a pena serem vistas, não só pelo passeio colina acima até aqui chegar mas porque é das poucas estruturas da cidade que não ficou totalmente destruída aquando do terramoto de 1755. Uma pequena curiosidade, conhecem a expressão “cair o Carmo e a Trindade?” tem origem nestas ruínas e nas do vizinho Convento da Trindade.

 
 

18

ASCENSOR DA BICA

Não há quem venha a Lisboa e não queira fotografar de perto um dos seus airosos elétricos e até mesmo passear a cidade através deles. Sim, porque eles não estão ali apenas porque são fotogénicos, mas porque este, especificamente, é considerado o ascensor mais antigo a percorrer o roteiro mais pitoresco.

 
 

19

LIVRARIA LER DEVAGAR

A livraria Ler Devagar está situada num dos locais mais “IN” do momento em Lisboa, LX Factory. Uma “fábrica” com lojas, artistas e restaurantes únicos e diferentes. A Ler Devagar integra-se perfeitamente pela sua originalidade. Aqui é mesmo para ler muuuuito devagar. A não perder mesmo.

 
 

20

ROSSIO (Praça D. Pedro IV)

Renasceu dos escombros deixados pelo terramoto de 1755 e ergueu-se como um espaço soalheiro e acolhedor. Ampla e animada pelos hotéis, restaurantes e lojas, pelas tradicionais floristas do Rossio e pelas centenas de turistas que a visitam diariamente é paragem obrigatória. O pavimento da praça está coberto pela Calçada Portuguesa que tanto tem encantado todos os que a conhecem. Duas fontes monumentais, uma estátua a D. Pedro IV no centro e o cheiro a castanhas assadas que aromatizam o ambiente. Este é daqueles sítios que só se conhece de verdade depois de se viver.

 
 

Não nos sentimos turistas em Lisboa, achamos sempre que é como chegar a casa. Familiar, simpática e muito agradável. Saímos sempre com vontade de voltar e chegamos sempre com vontade de ficar. “Lisboa menina e moça amada, Cidade mulher da nossa vida”!

PS: Como haverá sempre uma próxima vez, deixem nos comentários as sugestões de outros lugares imperdíveis em Lisboa.

honeymooners, Lisboa 03/2018

Publicações relacionadas

1 Comentários

    Coisas de Feltro

    Tão bom ler assim sobre a minha cidade, eheh. Tem realmente tanta coisa bonita para ver que vão ficar surpreendidos na próxima visita. Aconselho uma subida ao Arco da Rua Augusta para poderem ver a cidade em 360º. Uma ideia será também irem aos Pasteis de Belém e visitar o Jardim da Estrela. No meu blog tenho até uns posts sobre estes lugares. Boas viagens e boas partilhas.
    Cristina

Segue-nos!

Não percas nenhuma aventura dos honeymooners: